Affordable Access

Trabalho, autonomia e identidade dos profissionais do software no capitalismo flexível

Authors
Publication Date
Source
Repositório Digital Institucional da UFPR
Keywords
License
Unknown
External links

Abstract

Resumo: Esta dissertação consiste em uma análise sobre a produção de software, a partir de uma pesquisa focada nos trabalhadores do segmento. O software evolui, difunde-se e adquire destaque em meio às transformações ocorridas a partir da década de 1970, com a flexibilização da economia, da produção e do mercado de trabalho, onde a informatização cumpre importante papel neste contexto. As mudanças no trabalho, na economia e na sociedade, têm sinalizado para o crescimento das atividades imateriais, onde o conhecimento seria central, modificando o caráter do trabalho e da produção. O setor de software torna-se emblemático para a compreensão destas tendências, pois além de ser importante ferramenta informacional, suas atividades produtivas são dispersas e fragmentadas, com distintas formas de organização e modalidades contratuais. Assim, foi analisado como se desenvolveu o setor no Brasil, e em Curitiba, onde as atividades têm registrado crescimento nas duas últimas décadas. Foram entrevistados 15 trabalhadores com distintas funções no processo produtivo, que atuam sob diferentes contratos. Descreveu-se o processo de desenvolvimento de software, destacando as particularidades desta produção e a natureza do trabalho. Foi analisada a margem de autonomia no trabalho dos entrevistados e a construção de sua identidade profissional. A pesquisa aponta que estes trabalhadores não estão isentos das pressões por parte do cliente, da gerência, do mercado e das próprias exigências do setor, ainda que realizem uma atividade eminentemente criativa. Mas possuem certa margem de autonomia operacional, em virtude do conhecimento que possuem sobre sua atividade. Sua identidade constitui-se de modo individualista, no entanto, estes procuram interagir e cooperar entre si, há a construção de uma identidade coletiva entre estes profissionais.

Statistics

Seen <100 times