Affordable Access

Measurement and prediction of sound absorption of room surfaces and contents at low frequencies

Authors
  • Melo, Gustavo da Silva Vieira de
Publication Date
Jan 01, 2002
Source
Repositório Institucional da UFSC
Keywords
License
Unknown
External links

Abstract

Na área de transmissão sonora em edificações, uma recente ênfase tem sido dada ao estudo de freqüências audíveis, abaixo de 100 Hz. Isto se deve ao aumento do número de fontes de ruído de baixa freqüência, tais como uso de aparelhos domésticos de som ou TV com a capacidade de emitir sons graves cada vez mais potentes, etc. Existe uma preocupação especial com ruídos de baixa freqüência devido a sua eficiente propagação através do ar e eficácia reduzida de sua atenuação por parte de várias estruturas, como por exemplo, protetores auditivos e paredes entre residências. Contudo, em baixas freqüências, as abordagens teóricas mais utilizadas apresentam deficiências explicativas sobre a realidade estudada e precisam ser aprimoradas. Adicionalmente, observa-se que as normas referentes a isolamento sonoro não abrangem a região de freqüências abaixo de 100 Hz e nem mesmo a introdução do Anexo F da norma ISO 140/3 (1995) foi capaz de garantir um nível adequado de reprodutibilidade dos resultados. Nesse sentido, modelos de transmissão sonora entre salas que utilizam técnicas de EF têm demonstrado as características modais dos campos acústicos e vibratórios envolvidos no sistema sala-parede-sala, indicando a necessidade de modelos apropriados para a absorção sonora em baixas freqüências. Neste trabalho um novo modelo de EF foi utilizado para descrever as relações entre as características de absorção sonora das superfícies internas de uma sala e a resposta em freqüência desta sala, para o intervalo de freqüências de 20 Hz a 200 Hz. Inicialmente, o modelo numérico foi validado por comparação com resultados experimentais para uma pequena câmara reverberante vazia, denominada sala de referência. Adicionalmente, investigou-se o efeito da introdução de elementos de mobília no interior da sala, os quais foram abordados como obstáculos rígidos e macios, a fim de verificar possíveis modificações nas freqüências naturais e amortecimento seletivo dos modos do sistema. O efeito da localização de tais obstáculos também foi incluído nas investigações. Os resultados obtidos apresentaram um grau de concordância satisfatório entre valores medidos e simulados, permitindo a conclusão de que a absorção sonora não modifica significativamente as respostas em freqüência da sala em baixas freqüências.

Report this publication

Statistics

Seen <100 times