Affordable Access

II Consenso Brasileiro em Paracoccidioidomicose - 2017

Authors
  • Shikanai-yasuda, Maria Aparecida
  • Mendes, Rinaldo Pôncio
  • Colombo, Arnaldo Lopes
  • Telles, Flávio De Queiroz
  • Kono, Adriana
  • Paniago, Anamaria Mello Miranda
  • Nathan, André
  • Valle, Antonio Carlos Francisconi Do
  • Bagagli, Eduardo
  • Benard, Gil
  • Ferreira, Marcelo Simão
  • Teixeira, Marcus De Melo
  • Vergara, Mario Leon Silva
  • Pereira, Ricardo Mendes
  • Cavalcante, Ricardo De Souza
  • Hahn, Rosane
  • Durlacher, Rui Rafael
  • Khoury, Zarifa
  • Camargo, Zoilo Pires De
  • Moretti, Maria Luiza
  • And 1 more
Publication Date
Nov 12, 2018
Source
Repositório Institucional UNESP
Keywords
Language
Portuguese
License
Unknown
External links

Abstract

Resumo A paracoccidioidomicose (PCM) é uma micose sistêmica, relacionada às atividades agrícolas, com incidência e prevalência subestimadas, pela ausência de notificação em várias Unidades da Federação (UFs). A evolução insidiosa do quadro clínico pode ter como consequência sequelas graves se o diagnóstico e o tratamento não forem instituídos precoce e adequadamente. Ao lado do complexo Paracoccidioides brasiliensis (P. brasiliensis), a descrição de nova espécie, Paracoccidioides lutzii (P. lutzii), em Rondônia, onde a doença alcançou níveis epidêmicos, bem como na região Centro-Oeste e no Pará, constituem-se em desafios para a instituição do diagnóstico e a urgente disponibilização de antígenos que tenham reatividade com os soros dos pacientes. Este consenso visa atualizar o primeiro consenso brasileiro em PCM, estabelecendo recomendações para o manejo clínico do paciente, com base nas evidências conhecidas. São apresentados dados de etiologia, epidemiologia, imunopatogenia, diagnóstico, terapêutica e sequelas, enfatizando-se o diagnóstico e a terapêutica, bem como recomendações e desafios atuais nessa área do conhecimento.

Report this publication

Statistics

Seen <100 times