Affordable Access

Humanização de ambientes hospitalares

Authors
  • Vasconcelos, Renata Thaís Bomm
Publication Date
Jan 01, 2004
Source
Repositório Institucional da UFSC
Keywords
License
Unknown
External links

Abstract

Este trabalho aborda a importância da humanização do ambiente hospitalar destacando a influência que o contato com o exterior causa na recuperação do paciente, auxiliando seu processo de cura. Tendo em vista os benefícios causados ao paciente - que tem seu tratamento acelerado - e à instituição - que tem seus custos reduzidos # analisa-se de que maneira o projeto arquitetônico pode humanizar o edifício hospitalar e proporcionar o contato do paciente com o ambiente exterior. Para isso são definidas as Características Arquitetônicas Responsáveis pela Integração Interior/Exterior - ambientes e elementos construtivos que otimizam esta integração -, e em seguida analisadas a partir de aspectos Ambientais, Sensoriais e Comportamentais que constituem as Dimensões de Análise determinadas pelo pesquisador. A metodologia divide o trabalho em duas partes: revisão bibliográfica, onde são apresentados os elementos estimulantes do ambiente exterior e os benefícios que causam, assim como as características arquitetônicas de integração e o desempenho das mesmas nas anatomias hospitalares atuais; e o estudo de casos que, a partir de leituras espaciais e entrevistas semi-estruturadas realizadas durante visitas a três hospitais, traz exemplos que ilustram como a integração interior/exterior vem ocorrendo nestes estabelecimentos. A partir deste estudo é possível verificar que a integração interior/exterior é otimizada na anatomia horizontal, possibilitando contato físico e visual entre paciente e ambiente externo, e é restringida na anatomia vertical, limitando o paciente, na maioria dos casos, ao contato apenas visual com o exterior. Questionam-se então, as razões da reduzida exploração de soluções arquitetônicas que poderiam promover maior contato do paciente com o exterior em anatomias verticais.

Report this publication

Statistics

Seen <100 times