Affordable Access

Glomerulonefrite pós-infecciosa hipocomplementêmica aguda como complicação de celulite orbitária relacionada aos seios paranasais: relato de caso

Authors
Publication Date
Source
Biblioteca Digital da Produção Intelectual da Universidade de São Paulo (BDPI/USP)
Keywords
License
Unknown
External links

Abstract

Os estreptococos beta-hemolíticos do grupo A são os agentes mais comumente envolvidos na glomerulonefrite aguda pós-infecciosa. Relatamos um caso de glomerulonefrite pós-estreptocócica aguda associada a um abscesso orbitário secundário à sinusite, em menino de 11 anos de idade, o qual foi tratado com ceftriaxona e clindamicina endovenosas e drenagem cirúrgica. Doze dias após tratamento de suporte, a função renal se normalizou. Também discutimos a importância desta grave e potencial complicação não supurativa das celulites orbitárias causadas pelos estreptococos beta-hemolíticos do grupo A.

Statistics

Seen <100 times