Affordable Access

Enraizamento de estacas herbáceas da seleção 8501-1 de goiabeira submetidas a lesão na base e a concentrações de AIB

Authors
Publisher
UEL
Publication Date
Keywords
  • Psidium Guajava L
  • Propagation
  • Cuttings
  • Growth Regulators.
  • Psidium Guajava L
  • Propagação
  • Estaquia
  • Regulador De Crescimento.

Abstract

Este trabalho objetivou avaliar o efeito de diferentes concentrações de ácido indolbutírico (AIB), na capacidade de enraizamento de estacas herbáceas de goiabeira, preparadas com e sem lesão na base. Foram utilizadas estacas com aproximadamente 0- cm de comprimento, submetidas a dois tipos de preparo (com lesão e sem lesão na base) e quatro concentrações do AIB (0 mg L L- , .000 mg L L- , .000 mg L L- e 3.000 mg L L- ). As estacas foram colocadas para enraizar em caixas plásticas contendo casca de arroz carbonizada. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado com cinco repetições, em arranjo fatorial x 4, sendo cada parcela composta por 0 estacas. Após 85 dias, foram avaliadas as seguintes variáveis: retenção foliar (%), estacas enraizadas (%),sobrevivência das estacas (%), estacas com calo não enraizadas (%), número de raízes por estaca, comprimento de raízes por estaca e massa fresca e seca de raízes por estaca. Pelos resultados obtidos, conclui-se que não houve diferenças significativas entre as concentrações de AIB testadas quanto à variável porcentagem de estacas enraizadas, entretanto foram observadas diferenças significativas para as variáveis número de raízes por estaca e massa fresca e seca de raízes por estaca onde as doses de .000 e 3.000 mg L- resultaram nas maiores médias. O emprego de lesão na base da estaca não resultou em melhorias nos parâmetros de enraizamento de estacas. A utilização do AIB na concentração de 3.000 mg L L- propiciou o maior número de raízes por estaca.

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.