Affordable Access

Caracterização geotécnica de solos do município de Eldorado/MS com vistas a obras de pavimentação

Authors
  • Silva, Carolina Moresca da
Publication Date
Sep 09, 2022
Source
Repositório Institucional da UFSC
Keywords
License
Unknown
External links

Abstract

TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Campus Joinville, Engenharia Civil de Infraestrutura. / Diferentemente de alguns estados do Brasil, que contam com boa documentação e estudos relacionados ao comportamento geotécnico de seus solos, no estado do Mato Grosso do Sul (MS) esses estudos se mostram relativamente escassos. Este estado é um dos maiores produtores agrícolas do país e, consequentemente com uma grande demanda de escoamento de safra por sua malha viária. Por conta desta situação e considerando que o Governo Estadual vem fazendo relevantes investimentos em infraestrutura viária, mostra-se necessário maior conhecimentos acerca do comportamento de seus solos. Este trabalho tem como objetivo caracterizar os solos do município de Eldorado em termos de desempenho quando utilizados na condição compactada como material de construção para obras rodoviárias. Para tal, utilizou-se da metodologia de Davison Dias (1987) para realizar um mapeamento geotécnico da região cone-sul do MS. Foram sobrepostos mapas geológicos e pedológicos da região a ser estudada para estimativa das unidades geotécnicas. Posteriormente foram coletadas 5 amostras de solo para execução de ensaios laboratoriais que pudessem caracterizar fisicamente tais amostras, bem como determinar parâmetros de resistência mecânica interessantes às obras de pavimentação. Os solos foram classificados através do Sistema de Classificação Unificada de Solos, Sistema rodoviário de classificação de Solos e pela metodologia MCT. Os ensaios de resistência mecânica realizados foram: índice de suporte Califórnia (ISC) dos solos compactados sob as três energias de compactação e cisalhamento direto dos solos compactados sob energia intermediária. Na região estudada, predominam solos de comportamento laterítico, que apresentaram boas perspectivas de aplicabilidade em camadas constituintes do pavimento. Por meio dos ensaios de ISC ficou claro que os solos de todas as amostras são bons para compor as camadas menos solicitadas do pavimento, porém apenas os solos das amostras Morumbi, Junqueira e Floresta Branca se mostraram suficientemente competentes para compor camadas de sub-base. Nenhum dos solos ensaiados apresentou suporte suficiente para compor camadas de base dos pavimentos flexíveis. Em cisalhamento direto foram medidos ângulos de atrito bastante variáveis, de cerca de 26° até 41°.

Report this publication

Statistics

Seen <100 times