Affordable Access

Acompanhamento dos custos de produção orgânica de Lactuca sativa: avaliação do custo-benefício da certificação orgânica para os pequenos produtores.

Authors
  • Pedro, Walter Lopes
Publication Date
Jan 01, 2011
Source
Repositório Institucional da UFSC
License
Unknown
External links

Abstract

O cultivo de alface e o de maior destaque no sistema de produção orgânico em Santa Catarina. Pouca informação se tem sobre os custos deste tipo de sistema de produção. O processo de certificação abre espaço para os produtores comercializarem seus produtos em pontos de venda como supermercados, dentre outros locais Porém, quanto o investimento na certificação traz retorno financeiro ao produtor? A análise do custo benefício de uma possível certificação é a melhor forma de responder essa pergunta. Os custos de produção de alface orgânica se mostraram bem menor que o cultivo convencional. A produtividade média no sistema convencional foi de aproximadamente 65 mil pés por hectare ciclo. Um número 22% maior que no outro sistema avaliado, porém a lucratividade se mostrou superior no sistema orgânico de plantio. Esse fator deve-se ao fato de o valor médio da produção orgânica ser de R$ 34.333,33, 25% maior que o sistema convencional. E aos valores do custo de produção no sistema orgânico e convencional que são de R$ 14.741,02 e R$ 22.249,42, respectivamente. Na análise do custo beneficio da certificação orgânica de alface os ganhos econômicos são muito bons para as propriedades certificadas, ficando R$ 11.777,08 acima de uma propriedade não certificada.

Report this publication

Statistics

Seen <100 times