Affordable Access

Acoplamento oxidativo de metano sobre catalisadores de Li/MgO-SiO2

Authors
Publisher
Biblioteca Digital da Unicamp
Publication Date
Keywords
  • Catalisadores
  • Metano
  • Oxidação
  • Oxido De Magnesio

Abstract

Neste trabalho procurou-se desenvolver a reação de acoplamento oxidativo de metano sobre catalisadores de Li/MgO-Si'O IND. 2' na reação que se desenvolveu com uma relação de gases na alimentação de 'N IND. 2':'C' 'H IND. 4':'O IND. 2' igual a 10:5:5, com o reator à temperatura de 1070K e pressão ambiente. Os óxidos mistos foram preparados por co-precipitação, com relações nominais Mg:Si iguais a 1:0, 4:1, 1:1, 1:4 e 0:1. A adição da solução de 'LI IND. 2' 'C' 'O IND. 3' se processou pelo método de impregnação incipiente, em diferentes concentrações de lítio, de forma a atingir a seguintes relações de sítios superficiais Li/(Mg+Si): 0,5; 1,0; 2,0 e 4,0. Os sólidos preparados foram caracterizados por difração de raios-X, análise termogravimétrica e termodiferencial, medida de área superficial BET e volume de poros. Constatou-se que para sólidos preparados a partir do óxido misto MgO-Si'O IND. 2', há formação de um novo composto, MgSi'O IND. 3'. Na reação de acoplamento oxidativo de metano, quanto maior o teor de magnésio no sólido precursor (mais básico o sólido), maior é a conversão de metano e a seletividade a 'C IND. 2' ('C IND. 2' 'H IND. 4' e 'C IND. 2' 'H IND. 6'). Por outro lado, o catalisador que apresenta uma relação equimolar Mg:Si foi o que obteve maior atividade areal, atribuída à presença de MgSi'O IND. 3' no precursor, conforme constatado na caracterização

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.