Affordable Access

Natureza e Agricultura em Itu: a concepção de Carlos Ilidro da Silva (1860 – 1864)

Authors
Publisher
Universidade Estadual de Londrina
Publication Date

Abstract

O escopo dessa dissertação é resultado de uma necessidade da época, ou seja, do momento em que as preocupações em torno do desenvolvimento sustentável ou dos impactos gerados pelas ações humanas se tornam cada vez mais presentes em debates científicos e, consequentemente em iniciativas políticas. Nossa proposta é compreender as ideias a respeito da natureza e da agricultura que se desenvolveram em Itu entre os anos de 1860 e 1864 pelo agricultor Carlos Ilidro, considerando as relações que o mesmo mantivera com instituições do período que tiveram como objetivo pensar sobre progresso agrícola do país. Como fonte utilizamos três periódicos desde 1860, O agricultor Paulista, 25 de Março e o Correio Paulistano. Os dois primeiros foram editados em Itu por iniciativa de Carlos Ilidro da Silva, agricultor interessado em reformar os métodos de cultivo praticados até aquele momento. No último jornal, editado na cidade de São Paulo, o agricultor passou a escrever uma coluna quinzenal, na qual discorria sobre as mesmas práticas que, para ele, deveriam ser superadas e os meios para tal. Baseando-nos em suas ideias procuramos identificar como natureza e agricultura se coadunam, no sentido de compreender uma face de um movimento mais amplo vivido no país, qual seja, o crescimento de uma sensibilidade em relação ao mundo natural no século XIX.

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.