Affordable Access

Analise da diversidade genetica de amostras de Candida albicans isoladas da cavidade bucal de crianças saudaveis por eletroforese de enzima multiloco

Authors
Publisher
Biblioteca Digital da Unicamp
Publication Date
Keywords
  • Candida Albicans
  • Crianças
  • Genetica

Abstract

O interesse em adquirir um melhor entendimento sobre a patogênese, epidemiologia, genética e evolução, das infecções causadas por C. albicans, tem conduzido ao desenvolvimento de inúmeras pesquisas, as quais empregaram sistemas fingerprinting, tais como Eletroforese de Enzima Multiloco (MLEE), Cariotipagem Eletroforética (EK), DNA Polimórfico Amplificado ao Acaso (RAPD) e Polimorfismo no Comprimento do Fragmento de Restrição (RFLP) com e sem hibridação. A efetividade destes sistemas tem sido examinada em diferentes níveis de discriminação. Uma estratégia de validação tem sido delineada, a qual compara dois ou mais métodos não relacionados. Para C. albicans, esta estratégia tem validado o emprego de MLEE, RAPD e Ca3 fingerprinting. Entretanto, seus diferentes padrões fingerprinting gerados poderiam ser registrados em programas de base de dados e submetidos a uma comparação com os parâmetros dos hospedeiros (i.e., idade, sexo, peso, características médicas, condições predisponentes, artigos protéticos, localização geográfica, fatores socioeconômicos, associação com outros indivíduos,...) e as características do patógeno (i.e., padrões de assimilação de açúcares, antigenicidade, secreção de proteinases, padrões de susceptibilidade as drogas, formação de hifa, switching fenotípico,...). Estes procedimentos permitiriam a comparação atual e retrospectiva de uma seleção de linhagens clínicas e epidemiologicamente importantes, as quais poderiam apresentar uma ou várias características do hospedeiro ou patógeno. Adicionalmente, a somatória deste crescente número de informações poderia contribuir ainda mais para o entendimento (i) da dinâmica dos organismos infecciosos em populações humanas, (ii) do complexo relacionamento entre comensalismo e infecção, (iii) dos mecanismos genéticos e evolucionários, ou ainda, (iv) identificar a origem de uma infecção e (v) monitorar a emergência de linhagens resistentes a diversos fatores.

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.