Affordable Access

Geoquímica e ambiência tectônica do arco magmático de Pereiro, região NE da Província Borborema

Authors
Publisher
Zeppelini Editorial
Publication Date
Keywords
  • Arcos Magmáticos
  • Província Borborema
  • Neoproterozóico.

Abstract

Arcos magmáticos Neoproterozóicos estão edificados em todos continentes. Os modelos de geração destes arcos estão predominantementes associados a eventos tectonotermais que envolveram a fusão de crosta continental, crosta oceânica e em alguns casos material do manto superior. Durante a edificação as condições tectônicas podem variar desde o fácies xisto verde até granulito. Na porção NE da Província Borborema granitos Neoproterozóicos na região de Pereiro, sudoeste do estado do Ceará, formam um arco magmático composto por duas suítes. As suítes são geoquimicamente distintas com magmas ácidos e básicos, respectivamente classificados como magmas subalcalinos a alcalinos. A integração dos dados geoquímicos possibilitou a determinação de dois pulsos magmáticos denominados de Suíte São Miguel (SSM) e Suíte Dr. Severiano(SDS). Os pulsos magmáticos evoluíram sob dois regimes deformacionais e metamórficos distintos, durante a Orogênese Brasiliana. A SSM mais antiga, sofreu metamorfismo de alto grau atingindo condições de anatexia. Microtexturas tais como: crescimento de limite de grão, recristalização de feldspatos e anfibólios, formação de fundido, confirmam uma deformação dúctil no fácies anfibolito superior. A SDS, mais recente, sofreu metamorfismo de baixo grau (xisto verde). Análises geocronológicas comparativa entre valores de ℮Nd destes dois pulsos confirmam a existência de fontes distintas. Idades U/Pb em zircões dos plutons São Miguel/Pereiro e Padre Cosme confirmam a idade Neoproterozóica. Concluímos que o arco magmático de Pereiro foi edificado durante o Ciclo Brasiliano com seu clímax plutônico associado à formação da SSM (570 Ma.) em regime dúctil passando para condições de médio a baixo grau (xisto verde) em regime rúptil durante a colocação da SDS (540Ma).

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.