Affordable Access

SARCÓIDE EQUINO - RELATO DE CASO

Authors
Publisher
Archives of Veterinary Science
Publication Date

Abstract

Microsoft Word - Archives Veterinary Science v.4, n.1_pg123-158.doc SARCÓIDE EQUINO - RELATO DE CASO M. NICHELE1; C.B. VIANNA2; S. RODASKI1; A.F.P.F. WOUK 1; I. SUSKO1; I. ZULIAN 1; S.D. GUÉRIOS2; M.A. PERRONI3 1Departamento de Medicina veterinária, Setor de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Paraná; 2Mestrandas do Curso de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Universidade Federal do Paraná; 3Aluna do Curso de Medicina Veterinária, Universidade Federal do Paraná. O sarcóide é uma neoplasia cutânea, fibroblástica, não metastática e localmente invasiva dos equídeos. As lesões neoplásicas podem ocorrer isoladas ou em grupos, sendo a região cervical, cabeça (periocular, pinas e comissura labial) e membros os locais de maior incidência. Os sarcóides eqüino podem se apresentar de diferentes formas macroscópicas e suas lesões tem sido classificadas em três tipos principais: verrucosa, fibroblástica e mista. Na forma verrucosa as lesões apresentam superfície seca, plana e córnea, podendo ser sésseis ou pedunculadas. O tipo fibroblástico apresenta lesões com aspectos variados, algumas como nódulos fibrosos bem circunscritos e recobertos com epiderme intacta e outras se apresentam em grandes massas ulceradas, muitas vezes recobertas por tecido necrótico. O tipo misto é menos freqüente e é classificado como uma forma tumoral de transição. Um sarcóide verrucoso pode se transformar em fibroblástico em resposta a traumatismos ou a uma biópsia cirúrgica. A idade média de aparecimento desses tumores é de 7 anos. Um eqüino da raça Andaluza, do sexo masculino e com 12 anos de idade foi encaminhado ao Hospital Veterinário da Universidade Federal do Paraná, devido ao aparecimento de nódulos na região ventral do abdome e região inguinal. Para estabelecer um diagnóstico específico realizou-se uma biópsia incisional e a amostra foi encaminhada para exame histopatológico. Os cortes histológicos apresentaram áreas densamente celularizadas com

There are no comments yet on this publication. Be the first to share your thoughts.